Vida Eterna (poema)

Como não acreditar nesse amor que nos alcançou, que mudou a nossa vida, nos transformou em novas criaturas? Este poema fala dessa esperança que temos. Mesmo vivendo neste mundo caótico, temos uma direção, a esperança da vida eterna.

Como não acreditar nesse amor se ainda vejo a sombra da Cruz?

Como não aceitar este sacrifício se ainda vejo Jesus?

Como não me entregar, me derramar?

Aos pés de Jesus.


O mundo não vai bem, mas vejo uma solução.

Tudo caminha rumo a perdição.

Mas não corro perigo, pois vou na contra mão.

Fiz de Jesus meu abrigo e minha direção.


Eu te louvo, eu te adoro, mesmo que tudo se desabe

Eu te amo, me derramo, peço que meu barco acalme


Meu Jesus, minha Luz

Me dá vida, me mostra a saída.


A porta é Jesus!

A porta é Jesus!

Aleluia!

Encontrei vida e Luz!


A vida eterna,

Só encontra em Jesus!

Mais visitadas da semana

1001 perguntas Bíblicas com respostas

60 tipos de crente

Gerador de YouTube autoplay

Faça você mesmo este belo tamborete infantil para seus filhos

Clipes em destaque