Header Ads

O Cego e o Publicitário: Uma reflexão sobre o poder das palavras

Leia até o fim e reflita sobre esta bela história. Sua vida nunca mais será a mesma.

Conta-se que sentado em uma praça em Paris, havia um cego que vivia a mendigar, sentado no chão com roupas maltrapilhas, um boné velho onde recolhia as poucas moedas que alguns piedosos que passavam por ele lhe ofertavam.

Para auxiliá-lo havia uma pequena placa de madeira com os dizeres:

" Por favor, ajude-me, sou cego ".

Certo dia um publicitário, passou em frente a ele,
parou e ao ver as poucas moedas no boné, nem pediu licença, pegou o cartaz, virou-o,
pegou o giz e escreveu outro anúncio.

Voltou a colocar o pedaço de madeira aos pés do cego e foi embora.

Pela tarde o publicitário voltou a passar em frente ao cego que pedia esmola.
Agora, o seu boné estava cheio de notas e moedas.

O cego reconheceu as pisadas e lhe perguntou se havia sido ele
quem reescreveu seu cartaz, sobretudo querendo saber o que havia escrito ali.
O publicitário respondeu:

" Nada que não esteja de acordo com o seu anúncio, mas com outras palavras ".

Sorriu e continuou seu caminho.

O cego nunca soube, mas seu novo cartaz dizia:

"Hoje é Primavera em Paris, e eu não posso vê-la"


Não deixe de compartilhar esta bela história. É só copiar este texto e enviar para os amigos.

Tecnologia do Blogger.