Header Ads

Quando a tecnologia é aliada do Reino

Você já analisou os benefícios da tecnologia em nosso dia-a-dia? E se usássemos estes benefícios de maneira sadia para a propagação do evangelho? Pois é, a tecnologia é uma grande aliada quando o assunto é missão, principalmente em países e povoados onde é proibido ter um exemplar da Bíblia Sagrada.

Certo dia, eu estava conversando com um amigo após um congresso e, de repente, ele me disse:
- Você viu o pastor fulano, em vez de usar a Bíblia para pregar usa um tablet. Estranho, não!?
Na hora fiquei quieto por ética, mas a reposta seria:
- Meu irmão, como você sabe a Bíblia Sagrada foi originalmente escrita em rolos de papiro e/ou couro. Os volumes, que hoje constituem os livros, eram tão extensos e pesados que alguns tiveram que ser divididos para facilitar o manuseio, como os livros de Crônicas e Reis, por exemplo. Que tal o irmão vir ao templo com o exemplar da sua Bíblia em uma carroça puxada por doze juntas de bois?

Tenho certeza, que com esta resposta, deixaria ele chateado; mas, mesmo assim tenho certeza que minha linha de raciocínio estaria perfeita. O papel é um tipo de tecnologia que surgiu para facilitar a vida do leitor que agora pode transportar mais "pergaminhos" em um espaço bem menor por conta da sua reduzida espessura. A indexação e recursos como marcadores de página facilitam o estudo. É bem mais fácil desfolhar a Bíblia do que "desenrolar" um rolo.

A publicação da Bíblia Sagrada facilitou tanto a vida das pessoas, que alguns agora veem-na com menos credibilidade quando publicadas em outros meios - versões digitas, por exemplo. Não sabem, porém que a Palavra de Deus continuará viva e eficaz, mesmo estando em um celular, tablet ou notebook.

A Bíblia em meios digitais facilita ainda mais a vida do leitor se comparada à versão tradicional em papel, por permitir localização rápida de trechos e opção de customização de tamanho de fonte, etc. Tudo isso é a tecnologia aliada ao crescimento do Reino de Deus.

A tecnologia pode abrir portas onde é proibido ter um exemplar da Bíblia Sagrada ou falar de Jesus. É visível a diferença no transporte digital de um "livro proibido" do que em meio físico. É mais fácil esconder uma Bíblia em um cartão de memória do que uma Bíblia impressa, por exemplo.

A revista Linha de Frente, vol. 1 n° 5, trás na página 6 informações sobre o uso de equipamentos tecnológicos na evangelização de povos ainda não alcançados. Entre os aparatos estão: CD, DVD, MP3, Pendrive, Cartão de Memória e Aplicações para celular. A replicação por meio digital é muito eficiente, já que a maioria dos aparelhos atuais tem conexão wi-fi e bluetooth.

A evangelização com Bíblias em áudio é ótima para analfabetos e para aqueles que foram criados numa cultura oral, onde ouvir uma história é mais importante que ler. Já os jovens tem maior afinidade por vídeos curtos sobre a vida de Jesus e/ou princípios do evangelho.

Descubra como o evangelho está sendo pregado no mundo e como é ser um cristão da igreja perseguida em www.portasabertas.org.br.

E aí, você usa as tecnologias para falar de Jesus? Deixe seu comentário.


Tecnologia do Blogger.